[ fechar ]
Chororô
Gilberto Gil

Tenho pena de quem chora
De quem chora tenho dó
Quando o choro de quem chora
Não é choro, é chororô

Quando uma pessoa chora seu choro baixinho
De lágrima a correr pelo cantinho do olhar
Não se pode duvidar
Da razão daquela dor
Não se pode atrapalhar
Sentindo seja o que for

Mas quando a pessoa chora o choro em desatino
Batendo pino como quem vai se arrebentar
Aí, penso que é melhor
Ajudar aquela dor
A encontrar o seu lugar
No meio do chororô

Chororô, chororô, chororô
É muita água, é magoa, é jeito bobo de chorar
Chororô, chororô, chororô
É mágoa, é muita água, a gente pode se afogar

Chororô, chororô, chororô
É muita água, é magoa, é jeito bobo de chorar
Chororô, chororô, chororô
É mágoa, é muita água, a gente pode se acabar


BRWMB9900499
© Gege Edições / Preta Music (EUA & Canada)



Ficha técnica da faixa:
voz e violão Ovation - Gilberto Gil
guitarra e vocal - Pepeu Gomes
vocal e baixo - Rubens Sabino (Rubão)
bateria - Jorge Gomes
percussão - Djalma Correa
vocal e teclado - Mu

Outras gravações:
"10 de dezembro", Cássia Eller, Universal Music
"Solar", Elba Ramalho, BMG
"Coração brasileiro", Elba Ramalho, Polygram Comércio
"Citação na faixa fiz o que pude All star - Cássia Eller interpreta Nando Reis", Cássia Eller e Gilberto Gil, Universal Music 2005
"Solar", Elba Ramalho, BMG 1999
"Coração brasileiro", Elba Ramalho, Polygram Comércio 1991
"Elba Ramalho - mega hits", Elba Ramalho, Sony Music 2014
"A arte de Elba Ramalho", Elba Ramalho, Universal Music 2005
"Montreaux jazz festival", Gilberto Gil 2006
"35 years of Montreux jazz festival", Gilberto Gil, Picotin Records 2001
"Ao vivo", Gilberto Gil, Warner Music 1993
"Ao vivo em Montreux", Gilberto Gil, Warner Music 2002
"Gilberto Gil - ao vivo - disco 1", Gilberto Gil, Warner Music 2002
"Re", Gilberto Gil, Warner Music 1984
"Festival de Montreux - 50 anos", Gilberto Gil, Warner Music 2017
"O melhor de...", Gilberto Gil, Warner Music 1981
"Ao vivo", Gilberto Gil, Warner Music 1978
"Graziela cruz", Graziela Cruz, Graziela Aparecida Da Cruz 2002