Gil e convidados visitam o disco ‘Refavela’ 40 anos depois

Céu, Moreno Veloso e Maíra Freitas dividem o palco com o artista no show 'Refavela 40', no Circo Voador

Uma viagem à Nigéria, para participar de um festival de arte e cultura negra, em 1977, inspirou Gilberto Gil a gravar um de seus trabalhos mais emblemáticos: Refavela. Agora, o cantor e compositor baiano sobe ao palco para celebrar as quatro décadas do disco. No show Refavela 40, Céu, Moreno Veloso e Maíra Freitas interpretam as dez faixas do álbum, entre elas Ilê Ayê, Aqui e Agora e a canção-título. O filho do artista (e produtor da apresentação) Bem Gil acompanha a turma na guitarra, ao lado de Bruno Di Lullo (baixo), Domenico Lancellotti e Thomas Harres (bateria e percussão), Thiagô de Oliveira e Mateus Aleluia (sopros) mais Nara Gil (outra filha) e Ana Cláudia Lomelino nos vocais. Abertura com Negro Leo. Circo Voador. Arcos da Lapa, s/nº, Lapa. Sexta (1º), 22h. R$ 120,00.



twitter
in Veja Rio, 26.08.2017
 
2822 registros:  |< < 2 3 4 5 6 7 8 9 > >|