Box reúne gravações inéditas

Gilberto Gil diz ser muito envergonhado do que fez. Não gosta de ouvir seus próprios discos, “com algumas exceções”, e admite, bem-humorado, já ter esquecido boa parte de seu repertório por conta disso. Mas, aos 75 anos, ele se sente satisfeito em saber que músicas que escreveu há algum tempo se mantêm relevantes. “Eu mesmo não faço isso, mas acho interessante que os outros olhem com carinho para o meu passado. Acho bacana que essas coisas tenham significado para as pessoas, que isso viva no coração delas. É legal ver gente de várias gerações que aprecia o trabalho.”



twitter
in O Tempo - BH, 12.09.2017
 
2727 registros:  |< < 3 4 5 6 7 8 9 10 > >|