A cultura brasileira na vitrine

Daniela Milanese

Vai ser impossível passar este verão em Londres sem capturar algo da cultura brasileira. Uma série de eventos coloca o País como o grande destaque da temporada cultural inglesa. Diversos dos maiores nomes da cena nacional, de várias áreas, estarão na cidade nos próximos dias. Na música, Maria Bethânia, Caetano Veloso, Gilberto Gil , Tom Zé e Os Mutantes compõem o time mais aguardado.

A jornada começa neste sábado, com a abertura do maior evento dedicado ao País, o Festival Brazil, que vai até 5 de setembro no centro cultural Southbank, às margens do rio Tâmisa. Com música, dança, artes plásticas, literatura e gastronomia, o festival é considerado o maior já realizado pelo famoso espaço cultural britânico. A diretora artística do Southbank, Jude Kelly, está especialmente animada com a vinda de Bethânia, no dia 17 de julho. "Ela tem medo de voar e raramente sai do Brasil, mas quis vir participar do festival", afirma.

A estreia teve a exposição do carioca Ernesto Neto, na galeria Hayward, neste sábado (19). Depois, segue com programação extensa, que inclui artistas como Arnaldo Antunes e Mart´nália, além de discussões com autores como Milton Hatoum e José Miguel Wisnik e o ex-jogador Sócrates.

O centro cultural Barbican também terá programação dedicada ao Brasil, juntando ritmo e cinema (Cinema of Brazil - Music and Rhythm). serão exibidos filmes nacionais que têm como tema principal a música, fechando com show de Caetano Veloso, depois da apresentação do filme Coração Vagabundo. Outros cineastas virão a Londres para exibir e comentar seus filmes, como Walter Lima Jr (Os Desafinados), João Daniel Tikhomiroff (Besouro), Tata Amaral (Antônia) e Micael Langer (Simonal - Ninguém Sabe o Duro que Dei), entre outros.



twitter
in Diário de Cuiabá/ Online, 20.06.2010
 
3049 registros:  |< < 283 284 285 286 287 288 289 290 > >|